• 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00
    • Texto e Foto

    Polícia Civil prende 5 indivíduos em Itacoatiara

    Há 1 semana 09/11/2018


    • 1
    • 1
    #PRISAO


    Itacoatiara -Am | Nas primeiras horas da manhã de hoje (09/11/2018), a Polícia Civil de Itacoatiara, sob a coordenação dos Delegados Lázaro Neto e Paulo Barros, efetuaram a prisão de 5 pessoas em diversas áreas da cidade.


    Inicialmente, foi detido, no bairro do Jauari, o nacional Evandro Soares dos Santos, 67 anos, em razão de cumprimento de mandado de prisão pelo crime de estupro de vulnerável, e posteriormente foi preso, na bairro São Raimundo, o nacional Francisco Inacio Fernandes Pereira, 40 anos, em razão de mandado de prisão pelo crime de descumprimento medida protetiva. Por fim, foi preso o nacional Paulo Sérgio Pacheco de Melo, 47 anos, em razão de condenação criminal pelo delito de estupro de vulnerável, este último estava nos últimos anos foragido no interior de Juruti/PA.


    Durante a operação, quando em deslocamento pelas ruas da cidade, os policiais perceberam a atitude suspeita de uma dupla que transitava de moto na Rua Benjamin Constant, bairro Santa Luzia. Ao ser feita abordagem, foi constatado que se tratavam dos ex-presidiários Mairon Benigno dos Santos, vulgo Lorico, 26 anos, e Marcondes dos Santos da Silva, 28 anos, os quais portavam uma quantidade de cocaína. Em seguida, os policiais se deslocaram até a casa deles, ambas localizadas no bairro Mamoud Amed, tendo sido encontrado mais entorpecentes (cocaína) e apetrechos.


    Mairo e Marcondes já foram presos anteriormente por tráfico e, recentemente, havia inúmeras denúncias de que ambos continuavam atuando no tráfico, especialmente no bairro Mamoud Amed, em Postos de Gasolina da cidade e em festas, tendo eles afirmado, no momento da prisão, que estavam vindo da Boate Baile de Favela, localizada no bairro Pedreiras.


    Além dos 5 presos pela Polícia Civil, policiais militares efetuaram a detenção, nesta manhã, do nacional Fredson Gomes da Silveira, vulgo Cheira Calcinha, em virtude de mandado de prisão em aberto por descumprimento de medida protetiva. O mandado de prisão foi solicitado à  Justiça pelo Delegado Paulo Barros, Titular da Delegacia Especializada de Itacoatiara.


    Foto: Divulgação 


    MAIS IMEDIATO