• 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00
    • Texto e Foto

    Prefeitura de Roraima construiu novas escolas e criou mais de 9 mil vagas nos últimos anos

    Há 2 semanas 04/01/2019


    • 1
    • 1
    #EDUCACAO


    Boa Vista | Nos últimos anos, com o trabalho e planejamento da Prefeitura de Boa Vista, foi possível aumentar o número de vagas na rede municipal de ensino em mais de 30%. Ou seja, em 2013, eram ofertadas 29 mil vagas. Com a construção e entrega de 32 unidades de ensino pela gestão Teresa Surita, em 2018 foram oferecidas mais de 38.200 vagas para alunos da capital, um aumento de mais de 9 mil crianças.

     

    A modalidade de ensino creche aumentou, significativamente, desde 2013, com um percentual de 246%. Em 2013, 621 crianças eram atendidas nas 22 casas mãe existentes. Já neste ano, com a reforma, ampliação e construção de novas unidades,  estão matriculadas 2.150 crianças em todas as 33 casas e nas 30 turmas maternais das escolas Proinfâncias.

     

    A oferta maior de vagas foi para o 2º período da pré-escola, com um aumento percentual de 282% de alunos atendidos. Em 2013 se atendia pouco mais de 1,4 mil alunos. Já 2018 finalizou com mais de 5,4 mil matriculados nesta série. Reflexo da ampliação de escolas, construção das proinfâncias e aumento no número de salas de aula para atender este público.

     

    Investimentos na Educação garantiram avanços e mais qualidade no ensino

     

    Das 32 instituições de ensino construídas entre 2013 e 2018, incluindo as casas mãe e as escolas proinfâncias, 28 são novas unidades e 4 foram reconstruídas com direito a ampliação no número de salas de aula. A prefeitura também reformou 29 escolas e as 22 casas mãe já existentes foram reconstruídas e ampliadas.

     

    “Em seis anos, fizemos muito para que a educação em Boa Vista tivesse todas as possibilidades, como em países de primeiro mundo. Investimos na infraestrutura, no ensino, levamos a tecnologia para as salas de aula e valorizamos os servidores, em especial os professores e gestores. Tudo isso para que as nossas crianças tivessem acesso a uma educação de qualidade”, disse a prefeita.

     

    Em 2013, a rede municipal contava com apenas 83 escolas, que atendiam cerca de 29 mil alunos. Hoje são 120 unidades, suficiente para atender mais de 38 mil alunos. Ao assumir a gestão, a prefeita retirou os ventiladores e instalou centrais de ar em 100% das escolas e implantou o Programa Saber Igual, como forma de estruturar o ensino em toda rede.

     

    A prefeitura modernizou o atendimento ao público em 2014. Ao invés de os pais fazerem filas em frente as escolas, a prefeitura dispõe do Call Center para realizar todo o processo de novas matrículas e transferências. Este sistema desburocratizou o acesso à educação municipal e facilitou a vida da população.

     

    A prefeitura transformou as unidades em verdadeiros parques tecnológicos com os tablets em sala de aula, ferramenta que incentiva e acelera a alfabetização por meio dos jogos educativos, e faz parte do ensino desde 2015. As mesas pedagógicas dinamizaram ainda mais o aprendizado e auxilia no raciocínio lógico-matemático dos alunos. 

     

    Em 2018, Boa Vista tornou-se a primeira capital no Brasil a implantar a Robótica Educacional, com materiais manipuláveis, em todas as escolas públicas do município. Os alunos da pré-escola, também foram inseridos no Programa Zoom da Lego Education do Brasil, em 2016. Os famosos bloquinhos fomentam a inteligência criativa dos alunos.

     

    Novas matrículas já podem ser solicitadas pelo Call Center

     

    Após o período de transferências de alunos da rede municipal de ensino, a Prefeitura de Boa Vista deu início ao período de solicitação de novas matrículas. Pais e responsáveis por crianças em idade escolar para a pré-escola e Ensino Fundamental I, podem solicitar através do Call Center (0800-280-3536) até o próximo dia 20 de janeiro, sem precisar sair de casa. Neste início de processo é comum a linha estar congestionada, porém é necessário que se continue tentando, pois todas as vagas serão preenchidas na capital.

     


    MAIS IMEDIATO