Covid-19: Justiça libera presos do grupo de risco para cumprirem pena em casa no AM

Insira um URL válido

Manaus – A Justiça do Estado do Amazonas acatou a orientação de liberação de 184 detentos, seguindo orientação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) sobre os presos que fazem parte do grupo de risco para o novo coronavírus (Covid-19). Dos presos liberados para cumprirem prisão domiciliar, 122 foram da capital Manaus, e 62 do interior do estado.

Publicidade

O ato foi confirmado nessa quinta-feira (21) pela Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), que também informou que 54 dos detentos saíram mediante pedido de alvará de soltura.

Ao todo, 59 detentos tiveram a prisão domiciliar decretada e 71 tiveram a progressão de regime que se trata de um regime menos rigoroso, a ser determinado pelo juiz quando o preso tiver cumprido um sexto do regime anterior. 

Dependendo da decisão judicial, não se sabe ao certo se todos os que cumprem pena fora da prisão estão fazendo o uso de tornozeleira eletrônica. A decisão de quem saiu durante a pandemia ficou a cargo do Poder Judiciário do Estado do Amazonas. 

Atualmente, a população carcerária do Amazonas é de 11.534. Somente os presos da capital contabilizam 4.894 detentos.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Receba a seleção das melhores notícias:

Qual sua opinião? Deixe seu comentário