Alimentos impróprios para consumo são apreendidos em supermercado de Manaus

Imagem: PROCON-AM
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Manaus – AM | Nesta terça-feira (07/05), o Programa Estadual de Proteção e Orientação do Consumidor (Procon-AM) realizou uma fiscalização, no supermercado Rodrigues (bairro Vieiralves, zona Centro-Sul), e constatou que 20 produtos diferentes estavam inadequados para o consumo humano, dentre eles enlatados, carnes embaladas a vácuo, cogumelos, endívias, uvas, iogurtes, linhaça e massa semi-pronta.

Publicidade

No ato da fiscalização, o supermercado recebeu autos de constatação e apreensão por comercializar produtos vencidos, de acordo com a data impressa nas embalagens. “Inclusive, alguns produtos venceram em março e abril passados, ou seja, trata-se de um caso de extremo descuido com a qualidade do que se oferece ao consumidor. É a prova da infração contra o Código de Defesa do Consumidor “, explica o gestor do Procon-AM, Jalil Fraxe.

Foram inutilizados, 69 enlatados (frutas e legumes em calda); 6,5 kg de endívias; 3,5 kg de cogumelos de Paris; 3,4 kg de tambaqui; 3,9 kg de língua suína; 2,3 kg de linguiça portuguesa, entre outros. “Não foi uma apreensão de grandes proporções, mas, independente da quantidade, coloca a saúde dos consumidores em risco e, portanto, infringe a Lei”, destaca Fraxe.

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias