Arthur Neto manda asfaltar ruas de Manaus na chuva, nesta sexta-feira (31)

WhatsApp Image 2020-04-01 at 00.31.51
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Agradecimentos feitos pelo rapaz sobre a obra. Vídeo: Divulgação

Manaus-AM I Nesta terça-feira (31), é aniversário do bairro Japiim e como forma de celebrar a data, as ruas estavam sendo asfaltadas, mesmo em baixo de chuva, mostrando o serviço de baixa qualidade que é feito no recapeamento asfáltico de Manaus.

Publicidade

O que se pode esperar de uma asfalto aplicado em período chuvoso ? Uma péssima qualidade no serviço e também disperdício do recurso público, pois água e asfalto não combinam.

No vídeo o rapaz chega agradece a obra que está sendo feita, mesmo na chuva, e diz que esse trabalho de revitalização, demorou anos para sere realizado.

“Já são mais de 60 ruas que foram recuperadas, já foram 14 ruas que foram totalmente recapeadas, a Poli Valente, a Monte Castelo, que há anos não era feita e entre outras”, disse o rapaz do vídeo.

Segundo um especialista consultado pelo imediato, a junção de água com os produtos que compõem o asfalto, pode deixar o serviço sem qualidade: ” Aplicar asfalto na chuva, já tem sem prejuízo à qualidade pois o asfalto será colocado um material “batizado” e “fraco”. Isso gerará problemas futuros, pois o asfalto não foi “colado” de maneira adequada”, disse.

“Outro fator é a questão de temperatura: há uma questão técnica quanto a isso. Se o asfalto for aplicado a uma temperatura abaixo da prevista em norma, haverá uma degradação de qualidade por perda de temperatura.”, reforça o especialista.

Em Manaus é comum termos ruas asfaltadas e após algumas semanas, o buraco retorna e algumas vezes, até maior. Essa pode ser uma das explicações, pois o serviço de recapeamento não pode ser feito de qualquer forma, existe uma norma técnica para a aplicação.

Lembrando de que Manaus está em um período chuvoso, então, mesmo com a aplicação do asfalto, a forma das águas podem levar esse asfalto recém aplicado, gerando disperdício tanto do recurso público e também de material que poderia ser melhor utilizado em outra oportunidade.

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias