Certificado de imóveis é entregue para moradores que serão reassentados pelo Prosamin+

Imagem: Reprodução/ SECOM-AM
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
PATROCINADO
MANAUS | Nas últimas semanas diversas cidades brasileiras começaram a divulgar prazos para o fim do uso da...

Documentos foram repassados para pessoas que vivem na área da Manaus 2000, no Japiim, e deve alcançar, inicialmente, 550 imóveis

MANAUS – AM | Durante a manhã desta terça-feira (23), começaram a ser entregues os primeiros 550 certificados de imóveis para moradores da área da Manaus 2000, bairro Japiim, zona sul, como parte do processo de reassentamento de famílias beneficiadas na nova fase do Programa Social e Ambiental de Manaus e Interior (Prosamin+).

Conforme a Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), órgão que gerencia o Prosamin+, a certificação é uma das etapas no processo de reassentamento de moradores de áreas de risco alcançadas na nova etapa do programa, lançada pelo governador Wilson Lima. O órgão iniciou o mapeamento das famílias há um ano e, com a entrega do documento, moradores cadastrados cujos imóveis já possuem o selo do programa estarão aptos a abrir os processos de reassentamento na Superintendência de Habitação do Amazonas (Suhab).

Imagem: Reprodução/ Secom-AM

De acordo com o coordenador da UGPE, Marcellus Campêlo, inicialmente 550 imóveis receberão os certificados e, conforme o avanço das obras, as equipes farão o mesmo procedimento em novos locais. O objetivo é alcançar todos os 2.580 imóveis previstos para serem reassentados na área de abrangência do Prosamin+, que contempla parte das zonas sul e leste de Manaus. Segundo Campêlo, o Prosamin+ oferece soluções de moradia que vão além dos conjuntos residenciais construídos nas áreas de intervenção do programa.

Investimentos – No Prosamin+, o Governo do Estado vai investir cerca de R$ 542 milhões, recursos financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) com contrapartida do Estado.

Em sua primeira fase, o Prosamin+ vai beneficiar as famílias que residem no leito do Igarapé do Quarenta, em áreas na comunidade da Sharp e na Manaus 2000, nas zonas leste e sul, respectivamente.

O programa vai executar obras de infraestrutura, saneamento básico, urbanismo, habitação e recuperação ambiental nos bairros do Japiim, Coroado, Distrito Industrial e Armando Mendes.

Estima-se que 60 mil pessoas serão diretamente beneficiadas na nova fase, seja com habitação segura, ou com a coleta e tratamento de esgoto e água tratada, construção de parques, de novas vias, drenagem, reflorestamento e recuperação dos canais de igarapés.

Por: Assessoria de Imprensa

SEJA UM MEMBRO APOIADOR DO IMEDIATO

PATROCINADO
MANAUS-AM| Em todo o Amazonas, já foram aplicadas quase 5 milhões de doses contra a Covid-19. E para...

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias