Com transporte suspenso, moradores protestam: ‘queremos os ônibus de volta’, no Porto da Ceasa

Foto: Pablo Medeiros
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Manaus-AM | Uma manifestação tomou conta do porto da Ceasa na manhã desta quinta-feira (09), os moradores da comunidade Vila da Felicidade, no bairro Mauazinho, zona Sul de Manaus, se juntaram em protesto para reivindicarem a paralização de mais de dez linhas de ônibus, que deixaram de fazer o trajeto.

Publicidade

Essa paralisação aconteceu porque as linhas que faziam o trajeto, apresentavam irregularidades, e quando passavam na barreira eram impedidos de continuar circulando na rodovia. Com isso os ônibus eram apreendidos, e as empresas responsáveis pelas linhas pararam de fazer o percurso.

URGENTE ⚠️⚠️| Moradores da Vila da Felicidade no Mauazinho protestam sobre a a paralisação da linhas de ônibus no local#ainformaçãonahora #Curta #Comente #Compartilhe #Credibilidade #SemFakeNews #InformaçãoEcoisaSeria #TemCoisaQueSoImediatoMostra

Posted by Imediato on Thursday, January 9, 2020

Essa decisão prejudicou os moradores, que faziam o uso do transporte. Agora eles precisam fazer uma conexão de mais de 1 km para poder ter acesso aos ônibus, e irem para outras zonas da cidade. O que faz com que eles gastem ainda mais para se deslocarem.

Os moradores pedem que as linhas 714; 713; 706; 653; 418; 353; 355; 215; 013; 215 e 122, voltem a atender a região, ou que a Prefeitura de Manaus apresente uma solução para os usuários.

Júlio Cezar Santos, presidente da comunidade relatou que ja enviou um abaixo assinado com mais de 600 assinaturas, para Instituto de Mobilidades Ubarnas (IMMU), na tentativa de resolver a questão, mas até o dia de hoje nada foi feito.

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias