Hospital Francisca Mendes promove ações em alusão ao Dia Mundial do Coração

IMG-20220929-WA0477

Unidade intensificou exames de tomografia e testes ergométricos, e zerou fila para ecocardiograma infantil

MANAUS-AM | Em alusão ao Dia Mundial do Coração, o Hospital Francisca Mendes, vinculado à Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), realizou, nesta quinta-feira (29), uma programação com ações de promoção à saúde voltada aos cuidados do coração, capacitação de profissionais de saúde e intensificação de exames.

A diretora do hospital, Nayara Maksoud, informa que a ação foi direcionada a pacientes que aguardavam na fila do Sistema de Regulação (Sisreg) e no ambulatório da unidade, por exames de ecocardiograma, tomografias e testes ergométricos. A diretora ressalta que as ações realizadas no mês de setembro garantiram que a fila para realização de ecocardiograma infantil fosse zerada.

“O Hospital Francisca Mendes, que é uma unidade de referência, com a missão de cuidar das doenças cardíacas, preparou um elenco de atividades que ocorreram em setembro, envolvendo pacientes, acompanhantes, profissionais internos da unidade e profissionais que atuam nas maternidades, nos prontos-socorros, e a intensificação de exames que fazem parte do circuito desse cuidado”, ressaltou.

Desde sábado (24), a unidade também realizou 40 exames de tomografia por dia, que ao final da ação totalizam 400 exames além do que já está programado na rotina do hospital.

“A partir desta intensificação do ecocardiograma, do teste ergométrico, a unidade já vem intensificando, ao longo da gestão, os exames de cateterismo e de marca-passo, que hoje também estão acontecendo aqui na unidade. Além das cirurgias cardíacas, das quais nós aumentamos significativamente o número de procedimentos para os pacientes que estão e que são vinculados ao Francisca Mendes”, disse Nayara.

Faltas

A secretária executiva de Assistência da Capital, Neylane Macedo, explica que o objetivo da SES-AM é reduzir as filas, principalmente na área da cirurgia cardíaca e toda a linha de cuidado, que envolve os exames complementares e exames de alta complexidade.

“O complexo regulador está chamando o paciente e a regulação, no call center, está ligando individualmente para que eles compareçam e mantendo também a transparência dessa sequência, dessa ordem de chamamento dos pacientes. No entanto, estamos tendo dificuldade pelo absenteísmo”, revelou.

A preocupação dos profissionais de saúde é o agravamento de pacientes cardíacos que não fazem o acompanhamento médico necessário e, muitas vezes, acabam tendo o quadro de saúde agravado, levando-o a buscar atendimento nas portas de urgência e emergência dos hospitais com problemas que poderiam ter prevenidos.

“Fazendo todo o seu cuidado para a manutenção da saúde, a gente vai ter um paciente que vai regularmente na unidade, mas que vai estar estabilizado. É o caso da corrida da saúde, do clube de corrida, que, junto com a atenção básica, o Caimi (Centro de Atenção Integral à Melhor Idade), proporcionam esse cuidado na prevenção e promoção da saúde. Além do tripé, a medicação, os cuidados, os exames, há a necessidade de se manter os exercícios físicos”, enfatizou Neylane.

Clube do Coração

A unidade também vai promover o reencontro de 70 pacientes e suas famílias com ex-pacientes que já realizaram a cirurgia cardíaca e hoje fazem parte do Clube do Coração, projeto que acontece dentro do Hospital Francisca Mendes.

“Tivemos hoje o encontro do Clube do Coração, que é um projeto aqui da nossa unidade, feito pelos profissionais de saúde que atuam no Francisca Mendes, em que a gente recebe os pacientes externos, que já passaram por cirurgia, já passaram por algum procedimento, então foi um momento significativo”, contou a diretora Nayara Maksoud.

FOTO: Divulgação/SES-AM

SEJA UM MEMBRO APOIADOR DO IMEDIATO

PATROCINADO
Não precisa ir muito longe, certamente você conhece alguém que já teve problemas com bancos, não é mesmo?...

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE