Conselho anuncia operação em áreas protegidas da Amazônia Legal

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O Conselho Nacional da Amazônia Legal anunciou a deflagração de operações contra “atividades ilegais em áreas protegidas por lei federal”, a partir de Porto Velho (RO), Cuiabá (MT) e Marabá (PA). As operações ocorrem no âmbito da Operação Verde Brasil 2.

Publicidade

De acordo com nota divulgada pela vice-presidência da República, fiscais do Ibama e ICMBio já estão fazendo buscas e autuações nos locais, protegidos por forças federais que atuam na região com poder de polícia conferido pelo decreto de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), que foi instituído com o objetivo de “prevenir e reprimir delitos ambientais, bem como dar combate a focos de incêndio”.

As operações foram planejadas tendo por base relatórios da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), órgão central do Sistema Brasileiro de Inteligência (Sisbin), e imagens geradas pelo Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam).

Segundo a nota divulgada pelo conselho, que é presidido pelo vice-presidente Hamilton Mourão, detalhes da operação serão apresentados ainda hoje (11) durante coletiva de imprensa que contará com a participação de ministros e autoridades militares, entre elas o próprio vice-presidente.

Foto: Arquivo/Agência Brasil

AUXÍLIO EMERGENCIAL

Acompanhe a Covid-19 no Amazonas

Receba a seleção das melhores notícias

BABADO FORTE