Amanda Nunes recebe seis meses de suspensão médica após UFC 250

UFC
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Esporte I Se dentro do octógono do UFC 250 a vitória de Amanda Nunes sobre Felicia Spencer foi tão clara como a água, fora dele ambas podem ficar o mesmo tempo afastadas. Na lista de suspensões médicas divulgada pela Comissão Atlética do Estado de Nevada, tanto a brasileira como a canadense receberam o gancho inicial de 180 dias.

Publicidade

Caso não queira cumprir os seis meses de suspensão, Amanda precisará ser liberada por um ortopedista após passar por um raio-x na tíbia e na fíbula. Caso cumpra com o projetado por ela própria na coletiva de imprensa após o UFC 250, o gancho médico não influenciará no planejamento da campeã peso-galo (61 kg) e peso-pena (66 kg) do Ultimate.

À espera de sua primeira filha com a também lutadora Nina Ansaroff, Amanda prevê se manter fora dos octógonos até o fim do ano, para acompanhar o início de vida da herdeira. Já Spencer pode diminuir o tempo afastada com a aprovação de um especialista após analisar a fratura no osso orbital e nasal. Nocauteado por Cody Garbrandt no co-main event do último sábado (6), Raphael Assunção foi suspenso por 60 dias.

Outro brasileiro que saiu derrotado no card do UFC 250, Jussier Formiga pegou 45 dias de gancho médico. Já Herbert Burns, que conquistou sua segunda vitória desde que estreou pela organização, ficará 30 dias fora, ou até que a sutura em seu pé seja liberada por um especialista.

Fonte: UOL Esportes

https://imediatoonline.com/tarado-cameras-de-seguranca-flagram-tentativa-de-estupro-no-centro-de-codajas/

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias