Modalidade de futebol americano chama atenção nesse final de semana em Campeonato Amazonense


O Campo da Vila Olímpica de Manaus, no bairro Dom Pedro, zona centro-oeste, será palco do Campeonato Amazonense 2019 de Flag Football, que inicia a partir das 9h da próxima sexta-feira (15/11) e segue até domingo (17/11), com disputas de times masculinos e femininos. A competição conta com o apoio do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto.

No total, oito times farão parte da disputa, sendo cinco masculinos (Manaus FF, Warriors, Black Hawks, Anhangá, FAE Flag), e três femininos (Valkyrias, Mustangs e Guerreiras). Um dos coordenadores da competição e responsável do time FAE Flag, Girleno Menezes, conta que a modalidade é oriunda do Futebol Americano (FA) acredita que o campeonato é uma oportunidade de tornar o esporte mais popular.

Anúncios

“Nosso principal objetivo é divulgar a modalidade e, principalmente, dar aos jovens mais uma opção esportiva. É um esporte que nasce a partir do Futebol Americano, inclusive, muitos dos times que estão na competição foram e são do FA e estão participando. O campeonato é organizado por todos os times e acreditamos que, com esse apoio do governo em ceder o espaço para o evento, teremos uma boa competição”, explicou.

Há mais ou menos três anos na prática do Flag, a professora de inglês e estudante de Odontologia, Krícia Solart, 27, é lançadora da equipe Valkyrias e contou sobre a felicidade de poder participar da expansão do esporte no estado.

“Nosso time é o único representante do estado na Superfinal do Circuito Nacional de Flag, que acontecerá dia 7 e 8 de dezembro em SP, mas antes disso, vamos encerrar a temporada 2019 em casa, algo que nos deixa felizes e agradecidas por absolutamente tudo que vem acontecendo no crescimento do esporte no estado. Que esse campeonato seja o início de um novo capítulo para nós”, contou.

Outro time que também começa a fazer história no Flag é o Manaus que estreia em competições oficiais neste campeonato. O elenco, segundo um dos integrantes, o servidor público Giovanni Figliuolo, 33, está bem treinado e espera fazer uma boa competição.

“Nosso time está bem motivado, pois possui um bom elenco, somado aos treinos e exercícios físicos, o que gera a expectativa de chegarmos à final. Os outros times não nos conhecem e nem sabem nossa tática de jogo, o que pode nos render uma certa vantagem, portanto, vamos usar isso ao nosso favor e tentar avançar no campeonato”.

A modalidade – O Flag Football é uma variação do Futebol Americano. Enquanto na versão tradicional as equipes são formadas por 11 jogadores e o contato físico entre os atletas é parte fundamental das partidas, no Flag Football os times são compostos por cinco ou oito jogadores, e a interrupção do avanço do adversário não é feita diretamente no corpo do adversário.

No flag, cada jogador tem amarrada à cintura uma cinta com duas tiras de tecido em cada lado. Cabe às defensoras do time adversário puxarem uma dessas tiras de tecido para que a jogada seja interrompida. O contato físico é bastante reduzido, e o time tem quatro chances para atravessar o campo, caso contrário a bola volta para o adversário.

Mais informações: Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Educação e Desporto: Lívia Anselmo (99434-1005), Martha Bernardo (98151-4487) e Lorena Furtado (98127-7842).

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Receba a seleção das melhores notícias

Você também pode gostar:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram