Quase dois mil alunos do Cetam retornam às salas de aulas em mais de 50 cursos oferecidos pela instituição

WhatsApp Image 2024-02-25 at 08.16.41
PATROCINADO
Candidatos para cursos técnicos em Silves devem se inscrever a partir desta sexta-feira, dia 5 de abril. São...

Manaus-Am| Um total de 1.913 alunos, distribuídos em 51 cursos e 81 turmas do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), retornaram às atividades acadêmicas, nesta semana. No curso de gastronomia, oferecido na Escola de Educação Profissional e Tecnológica Bernardo Ramos, no centro da capital, mais de 300 alunos se preparam para o mercado de trabalho. Para atender a demanda, a escola de gastronomia possui um currículo estruturado e professores experientes, oferecendo aos alunos uma formação abrangente, desde o básico até técnicas avançadas de culinária.

A aluna Francimara Batista, que deve terminar a formação no final deste ano, tem o objetivo de abrir o próprio restaurante. “Eu tenho expectativa de montar um negócio para mim, esse é um sonho antigo. O que ainda me falta é capital, mas nesse meio tempo eu tenho investido em qualificação, que é o que eu estou fazendo aqui”, comentou Francimara.

A grade curricular inclui elementos básicos de física, biologia e química para compreender a base nutricional dos alimentos e como eles são alterados durante a preparação de um prato, além de uma estrutura moderna.

“Então, nem toda a cozinha tem a preparação que tem aqui. E sempre a gente procura aprender a manusear os utensílios que tem dentro da cozinha, uma cozinha que é padrão. E até as faculdades mesmo não tem uma cozinha tão organizada como essa” afirmou o aluno Leonardo Rodrigues sobre a estrutura da escola de gastronomia.

Cursos para a mercado da indústria
Com uma variedade de cursos disponíveis, o Cetam também foca em promover o desenvolvimento econômico da região. No Instituto Benjamin Constant (IBC), são oferecidos cursos na área da informática, tecnologia e inovação e indústria 4.0.

Para o professor de eletrônica Francisco Dibo, os cursos do Cetam atendem a necessidade de qualificar profissionais para esses setores.

“Nós temos uma estrutura de indústria 4.0 aqui. Os equipamentos que nós temos são de ponta, que não deixam a desejar. Então, as pessoas que vêm para cá e estudam com a gente, vão sair daqui excelentes profissionais”, reforçou o professor.

A aluna Brenda Carvalho do curso de Técnico em Manutenção e Suporte em Informática está na metade do curso. Após se formar, ainda este ano, a jovem pretende começar o próprio empreendimento.

“A estrutura que eles dão para gente é de qualidade, a gente aprende a teoria e prática também. A gente que busca se qualificar para o mercado, encontra aqui um aparato de pessoas que estão para dar apoio. Eu pretendo abrir uma empresa, aplicando os meus conhecimentos, incentivando outras pessoas, as mulheres principalmente que querem atuar na área”, disse a aluna.

FOTOS: Mauro Neto/ Secom

SEJA UM MEMBRO APOIADOR DO IMEDIATO

PATROCINADO
Ao longo de toda a história do Site Imediato Online, a comunidade sempre esteve presente, sendo a principal...

Últimas atualizações sobre benefícios

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE