Casal obriga criança a pular por horas em cama elástica como castigo e menina acaba morta

Foto: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

MUNDO | Uma casal norte americano foi preso por assassinato após obrigar uma criança de 8 anos a pular em uma cama elástica por horas sob o calor de 43ºC. Jaylin, de 8 anos, morreu em seguida. Daniel, 44, e Ashley Schwarz, 34, moradores de Odessa, no Texas, foram detidos pela polícia alguns dias depois por terem deliberadamente privado a menina de água no escaldante calor texano.

Publicidade
dd63d8f0 700

Casal deixou filha sem água

Daniel e Ashley eram os pais adotivos da criança. Em 29 de agosto, após um conflito, os pais adotivos acharam que uma boa punição para a pequena Jaylin Schwarz seria forçá-la a pular por horas numa cama elástica, privando o acesso da própria filha à água. 

Quando a criança desmaiou, o casal chamou o serviço de emergência e a criança foi declarada morta já no local. A autópsia revelou que a causa da morte foi desidratação. A perícia indicou que a temperatura da cama elástica era de 43ºC e que a temperatura do chão (vale lembrar que o Texas passou por uma onda de calor em agosto) era de, pasmem, 65ºC.

Antes da triste tragédia, a mãe biológica de Jaylin, Alysha Anderton, já havia entrado em uma batalha judicial para recuperar a custódia de sua filha, acusando os Schwarzes de maus tratos. A mãe lamentou o crime nas redes sociais.

SEJA UM MEMBRO APOIADOR DO IMEDIATO

Clique AQUI e saiba as vantagens em ser MEMBRO!

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias