Em cadáver de venezuelana é encontrado 60 cápsulas de cocaína em Manaus

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Manaus-AM | Uma Venezuela de 43 ainda não identificada, morreu na noite de sexta-feira (13), vítima de uma inflamação na parede intestinal, seu corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal na manhã de sábado (14) e os peritos constataram que a morte da mulher foi causada por 60 60 cápsulas de cocaína que estavam em seu estômago.

Publicidade

O caso foi enviado ao Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc), da Polícia Civil do Amazonas. Conforme as informações de um hospital particular, situado na Rua Tapajós, no Centro, a mulher foi deixada sozinha em frente ao hospital, levada por um taxista. Ela que estava passando muito mal, foi socorrida, mesmo não tendo plano de saúde, mas veio a óbito antes do seu atendimento.

Os médicos constataram que no estômago dela continha o equivalente a 886 gramas da substância entorpecente. As capsulas causaram a perfuração do órgão, e por avaliação do IML ela teria introduzido as drogas no organismo há pelo o menos 3 dias. O corpo ainda está no IML aguardando reconhecimento de familiares e o Consulado do País será comunicado.

Últimas informações ao vivo:

Receba a seleção das melhores notícias

Outros assuntos interessantes: