Membro de facção criminosa que decapitou mulher é acusado de vários outros homicídios e assaltos

WhatsApp Image 2020-07-18 at 11.22.51(1)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Manaus-AM |O nesta sexta-feira (17), um homem identificado como Gilvan Oliveira Reis, o vulgo ‘Vela’, foi preso em Manaus pela equipe da Polícia Civil do Amazonas. ‘Vela’ é apontado como assassino de uma jovem de 25 anos, encontrada decapitada e enterrada no Campo do Maroca, bairro João Paulo, zona Leste da capital, na última quinta-feira (16).

Publicidade

Membro de facção é preso em Manaus

Facção Criminosa
Gilvan Oliveira Reis, o vulgo ‘Vela’, foi preso e é acusado de ter decapitado uma mulher. Foto: Reprodução

Conforme o delegado titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), delegado Paulo Martins, ‘Vela’ tem uma extensa ficha criminal, tendo sido presos por diversas vezes. Ele até mesmo usava um nome falso, chamado de “Leonardo Sabino”.

“Aqui, pelo menos, em uns cinco crimes já identificamos a participação dele. O Vela já foi preso pela PC, pela PM e se diz membro da facção FDN. Ele confessou o crime e mesmo se dizendo integrante de facção, ele entregou todos os parceiros dele”, disse o delegado.

facção
‘Vela’ sendo trago pela equipe da polícia. Foto: Reprodução

Conforme o delegado Cícero Túlio, o acusado costumava a executar assaltos a residências e veículos juntamente a seus comparsas. Ainda conforme o delegado, ‘Vela’ é extremamente violento:

“O Vela é um velho conhecido da polícia, ele é acostumado a decapitar suas vítimas. Nos assaltos ele costuma amarrar as vítimas e ameaça decepar partes do corpo das vítimas na frente dos seus filhos. A companheira dele  “Dama de Copas”, atuava como receptadora, já tinha sido presa a algumas semanas”, complementou o delegado.

‘Vela’ teria decapitado uma moça de 25 anos

De acordo com a polícia, Vela confessou a morte de Farliana e de algumas outras vítimas e agora vai ser responder pelos crimes.

Vela
Vela confessou ter decapitado Farlina de 25 anos. Foto: Reprodução

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias