Pai que matou filha a facadas após denúncia de estupro, segue foragido


Acusado de matar a filha de 13 anos a facadas há sete meses, Horácio Lazareno Lucas segue foragido. O crime aconteceu em 3 de outubro, em São Roque, São Paulo. Segundo a Polícia Civil, o homem foi até a casa de Letícia Tanzi após receber um alvará de soltura. Antes disso, ele estava preso condenado por estuprar uma cunhada.

A filha Letícia chegou a denunciar o pai por violência sexual em 2017. Conforme a mãe da jovem, Horácio foi até a casa dela para tentar convencê-la a retirar a denúncia, mas estava calmo, entretanto mudou de comportamento quando a filha negou retirar a denúncia.

Anúncios

A mãe da menina foi agredida no rosto da mulher, porém conseguiu fugir para buscar ajuda. Letícia foi atacada pelo prórpio pai. Omirmão dela estava em casa e conseguiu fugir. Ele encontrou uma viatura da PM e disse que a irmã havia sido morta pelo pai.

O crime chocou os moradores da cidade. Foi realizada uma força-tarefa com equipes da Polícia Civil, Polícia Militar e Guarda Civil Municipal para encontrar o suspeito, que fugiu em direção a um matagal.

Leia mais

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Receba a seleção das melhores notícias

Você também pode gostar:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram