Caso Débora: Gil Romero, principal suspeito no assassinato, é preso no interior do Pará

Imagem do WhatsApp de 2023-08-08 à(s) 22.46.58
PATROCINADO
A ENEVA, em um esforço contínuo para fomentar a educação e o crescimento econômico no Amazonas, lidera uma...

MANAUS-AM | Gil Romero Machado Batista, de 41 anos, suspeito de assassinar a jovem Débora da Silva, de 18 anos, foi preso na noite desta terça-feira (8), no Município de Curuá, interior do estado do Pará. A moça estava grávida de 8 meses do próprio suspeito.

A prisão de Gil Romero é o resultado de uma ação conjunta das Polícias Civis dos estados do Pará e Amazonas que estavam incansavelmente atrás do suspeito após o crime bárbaro que chocou todo o Brasil. Conforme a polícia, Gil estava escondido na casa dos parentes de sua esposa após fugir do Amazonas.

O homem estava foragido desde o dia (29/7), data em que a jovem foi vista pela última vez na rua Filadélfia, Bairro Gilberto Mestrinho, na zona leste de Manaus, após sair de casa para se encontrar com o pai da criança. Segundo os familiares de Débora, o homem estava ameaçando a jovem por ele não aceitar a gravidez e, por ele ser casado, ter o fim de seu casamento após a traição.

Gil Romero

RELEMBRE O CASO

No sábado (29/07), de julho Débora da Silva Alves, 18, grávida de oito meses, saiu de casa para ir ao encontro do pai da Criança Gil Romero Machado Batista, que atraiu a vítima com a falsa promessa de uma ajuda de custo para comprar um berço para a criança que a jovem estava esperando.

De acordo com familiares, após Débora sair da residência da família a jovem nunca mais foi vista, e nunca mais entrou em contato com a família. O corpo da jovem foi encontrado na quinta-feira (3), em uma área de mata na zona leste de Manas, com marcas de tortura.

No decorrer da investigação, a PC contatou que Gil Romero, vinha ameaçando Débora por não aceitar a gravidez da jovem, bem como já tinha tentado matar a jovem uma outra vez, além de comprar remédios abortivos para a jovem. De acordo com informações da polícia Gil Romero era casado e queria esconder o caso da sua esposa.

Fotos: Polícia Civil

SEJA UM MEMBRO APOIADOR DO IMEDIATO

PATROCINADO
Candidatos para cursos técnicos em Silves devem se inscrever a partir desta sexta-feira, dia 5 de abril. São...

Últimas atualizações sobre benefícios

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE