Suposto motorista de “App” da apoio para criminosos cometerem homicídio no Santa Etelvina

1F24998B-FE3B-4365-BD19-ADD1E15FB10A
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Manaus – AM | Fabrício Rodrigues Marinho 24 anos, foi assassinado com aproximadamente nove disparos de arma de fogo pelo corpo. O crime aconteceu no final da tarde desta segunda-feira (8), no bairro Santa Etelvina, zona Norte de Manaus.

Publicidade

Segundo informações repassadas por familiares da vítima que estavam no Hospital e Pronto Socorro Delphina Aziz, local Lara onde foi encaminhado após os disparos, um carro modelo gol vermelho de placa até o momento não identificada, chegou no local onde Fabrício estava trabalhando como ajudante, e atiraram contra o mesmo. Os familiares ainda chegaram a socorrer a vítima para uma umidade hospitalar onde já chegou sem vida. 

Moradores que ainda chegaram a presenciar a execução, informaram a Polícia Militar que o carro utilizado na ação criminosa, teria um adesivo grande no pára-brisas escrito “Uber”. Ainda de acordo com a família, o mesmo já tinha passagem pelo crime de tráfico de drogas e respondia a outro crime em liberdade. 

O corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), onde posteriormente ficará à disposição de familiares. O caso deve ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). 

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias