Técnico de escolinha de futebol volta a ser preso por suspeita de estupro

WhatsApp Image 2022-11-23 at 12.21.39
PATROCINADO
Conhecido como “O Gigante do Norte” o Bazar da Rayana em clima de Natal, acontecerá neste sábado (03)...

Manaus – AM | Na manhã desta quarta-feira (23), Pedro Sérgio Machado Ribeiro, de 57 anos, técnico de uma escolhinha de futebol infantil, foi preso no bairro São Lázaro, zona Sul da capital amazonense. O mesmo havia sido solto na segunda-feira (21), após a Justiça considerar que o caso ‘não era de grave infração’.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, mais duas vítimas recorreram à Polícia para denunciar o abuso. A Polícia acredita que é possível que existam outras vítimas, visto que era frequente a presença de crianças na casa do acusado. Ainda segundo a delegada, o Ministério Público não se conformou com a decisão de soltura de Pedro e entrou com dois recursos para que o suspeito fosse preso. A delegada Joyce afirmou durante coletiva que se o treinador continuasse solto as vítimas poderiam se sentir intimidadas a denunciar.

“Ele realizava toda uma abordagem e levava as crianças para a residência. Lá ele prometia lanches, levar para passear, presentes. Essas crianças e adolescentes frequentavam a casa dele. Um dos adolescentes encontrado com ele estava ali [na casa do suspeito] há dois meses. A característica em comum é que são vulneráveis socialmente, são crianças que não tem condições de ficar indo para o treino então acabam se submetendo a ficar na casa do treinador. Ele também exercia uma espécie de controle sobre as crianças e convencia os familiares a deixar ficarem na casa dele. Há relatos de que para algumas famílias ele fornecia cestas básicas”, explicou a delegada.

O homem foi apresentado à DEPCA nesta quarta-feira e deve responder pelos crimes de estupro de vulnerável, importunação sexual e por submeter criança e adolescente a prostituição sexual.

Relembre o caso:

SEJA UM MEMBRO APOIADOR DO IMEDIATO

PATROCINADO
A capital amazonense é conhecida nacionalmente pela beleza e imensidão da floresta amazônica, por sua zona franca, pelo...

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE