Jovem busca ajuda social para projeto que leva reforço escolar para crianças carentes da zona Norte

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email


Manaus – Com a vontade de fazer a diferença na vida de dezenas de crianças carentes no bairro Alfredo Nascimento, zona Norte da capital, o jovem Felipe Santana, de apenas 25 anos, resolveu dar início a um projeto que tem como objetivo reforçar o auxílio escolar para os menores de idade da comunidade. O programa intitulado “Fazendo a Diferença” visa atender pelo menos 100 crianças por final de semana, e na tarde da última segunda-feira (13) o site Imediato esteve com Felipe para entender os detalhes dessa nobre causa.

Publicidade

De acordo com Felipe Santana, a ideia de criar aulas de reforço gratuitas para as crianças do bairro, surgiu a partir da percepção de que a maioria dos menores da área passava bastante tempo ocioso, e quando precisavam passar pelos testes escolares, quase sempre apresentavam extrema dificuldade de lidar com o conteúdo. Para dar vida ao projeto, o jovem vem contando com a participação de amigos e simpatizantes da causa que vem ajudando com qualquer tipo de doações.

As aulas ainda não tiveram início pois as crianças estão em período de férias, mas desde já, o planejamento do “Fazendo a Diferença” segue a todo vapor. Algumas cadeiras já foram doadas e seguem sendo restauradas para proporcionar o máximo de conforto aos alunos que serão recebidos, e o espaço que deve receber os menores também já foi garantido. A ideia é que o reforço escolar possa abraçar uma turma com até 100 crianças, e as aulas serão ministradas em duas turmas diferentes durante os finais de semana e feriados.

Apesar da vontade de fazer a diferença na vida dos pequenos da comunidade, Felipe continua precisando da ajuda de doares, e todo material escolar e didático está sendo bem vindo ainda nessa fase de planejamento. Cadernos, borrachas, lápis, apontadores, livros, pincéis, canetas, cadeiras e até mesmo quilos de alimentos não perecíveis podem ser doados para a equipe do projeto. A ideia é também poder oferecer um lanche para as crianças que estarão participando das aulas.

O número de contato para falar com o coordenador do ˜Fazendo a Diferença”- Felipe Santana – é o 98105-6503; o número fica ligado 24 horas por dia e é por meio desse contato que qualquer informação ou doação pode ser feita.

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias

BABADO FORTE