URGENTE: Vereadores de Iranduba são presos por operação do MPE-AM

Foto: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Os vereadores presos são: Kelison Dieb (PMDB) e Jakson Pinheiro (PMN)

Publicidade

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM) deflagrou, na manhã desta quinta-feira (8/8), a Operação Avaritia (Latin: cobiça), com o objetivo de cumprir 2 (dois) mandados de prisão, 15 (quinze) de busca e apreensão, e 15 (quinze) de busca pessoal nas cidades de Manaus e Iranduba. Os alvos de prisão temporária são dois Vereadores daquele município próximo da capital. Eles são suspeitos de participarem de uma organização criminosa que vinha praticando cobrança de propina para a aprovação de Projetos de Lei na Câmara Municipal de Iranduba.

As investigações começaram em dezembro de 2018 pelos Promotores de Justiça do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público (GAECO). Os nomes dos Vereadores implicados e mais informações serão passadas em entrevista coletiva, na sede do MPAM, em Manaus, ao MEIO-DIA (12h) desta quinta-feira.

Em breve mais informações

LEIA MAIS

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias