Wilson Lima diz que vai mobilizar frente em defesa da Zona Franca, após ataque de Paulo Guedes

Foto: Secom
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Manaus-AM| O governador do Amazonas, Wilson Lima, disse nesta quinta-feira (18) que os ataques à Zona Franca de Manaus (ZFM) não ferem só a Amazônia, ferem o país. A declaração foi dada após entrevista do ministro da Economia, Paulo Guedes, em que ele apontou a Zona Franca como impedimento para o crescimento do Brasil.

Publicidade

Wilson Lima adiantou que vai reunir a bancada federal para, mais uma vez, conversar com o ministro Paulo Guedes. “Também vou reunir os governadores da região norte e formar uma frente em defesa da região”, reforçou o governador.

Ele ressaltou que Governo do Amazonas vai defender a excepcionalidade da ZFM, garantida na Constituição, e que continuará mostrando ao Governo Federal e ao Brasil que esse modelo econômico é importante para a Amazônia e o país.

“Mesmo com todo nosso esforço o ministro ainda não percebeu o impacto disso na vida de milhares de pessoas, inclusive de todos os brasileiros, porque envolve a preservação da Amazônia e, além disso, a economia do país também terá prejuízos se as empresas instaladas no Amazonas perderem a competitividade. Elas vão embora do país”, frisou.

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias