Batalhão Ambiental apreende grande quantidade de caça e pescado ilegais e quelônios

WhatsApp Image 2020-07-01 at 11.04.05 (2)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Manaus – AM | Uma grande quantidade de animais silvestres abatidos e pescado ilegais e quelônios, foi apreendida pelo Comando de Policiamento Ambiental (CPAMB), Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAMB) e CANIL, em duas embarcações.

Publicidade

De acordo com o tenente Rosival, as duas embarcações vinheram do município de Beruri (distante 249 quilômetros de Manaus), e após denúncia os policiais conseguiram localizar as duas embarcações.

A abordagem foi realizada ainda no Rio Negro e por meio da vistoria no interior de um dos barcos foi constatado um fundo falso. “Foi verificado aquele fundo falso, onde encontramos animais silvestres abatidos entre ele pacas tatus e tracajás e uma quantidade de pirarucu e alguns tambaquis que eles estão com tamanho menor do que e o permitido na legislação.”, relatou o policial.

WhatsApp Image 2020 07 01 at 11.04.05 4 1
Quelônios também foram apreendidos

Rosival destacou que as ações fazem parte da “Operação Hórus”, que é uma operação do Ministério da Justiça. “Está sendo intensificado o patrulhamento fluvial na orla de Manaus e Região Metropolitana (de Manaus -RMM).”, explicou.

Diante dos fatos foi questionado sobre os documentos das cargas, mas não havia a documentação necessária.

Três homens receberam voz de prisão e foram encaminhados ao 1° Distrito Integrado de Polícia (DIP), pra responder os procedimentos cabíveis.

Todo o material apreendido foi destinado a uma Entidade Filantrópica, cadastrada na Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente (Dema).

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias