Corpo de jovem é encontrado enterrado em área de mata na zona Leste

Captura de Tela 2020-09-16 às 18.09.50
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Manaus – AM | Foi localizado ao longo da manhã desta quarta-feira (16), o corpo de César Santos da Silva, que tinha 21 anos. O jovem estava desaparecido desde o dia 3 de setembro, quando saiu por volta das 22h, da casa onde morava, na comunidade Nova Vitória, bairro Gilberto Mestrinho, zona leste de Manaus.

Publicidade

Conforme a Polícia Civil, a mãe de César compareceu à Delegacia Especializada em Ordem Política e Social (Deops) no dia 7 de setembro, onde registrou um Boletim de Ocorrência (BO) informando que o filho estava desaparecido. Na ocasião, ela relatou que havia recebido informações que o jovem estaria morto em uma área da Comunidade Grande Vitória, no mesmo bairro onde moram.

“Realizamos um trabalho investigativo para encontrar César, e manhã de hoje recebemos a informação que naquela mesma área da cidade, havia indícios de uma cova que havia sido recentemente cavada. Imediatamente iniciamos às diligências e solicitamos o apoio da Cipcães. Nós nos deslocamos até o lugar informado e encontramos o corpo do jovem que estava enterrado no local. A mãe da vítima o identificou”, relatou a delegada Catarina, titular da Especializada.

Procedimentos

A delegada destacou que, após o corpo ser localizado, as equipes do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), do Instituto de Criminalística (IC) e do Instituto Médico Legal Antônio Hosannah da Silva Filho (IML-AHSF), foram acionadas para realizarem os procedimentos de remoção do cadáver.

O caso será transferido para Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), que irá investigar o crime.

O corpo de César Santos da Silva, de 21 anos, foi encontrado na tarde de hoje (16), enterrado em um terreno no bairro Nova Vitória, na Zona Leste, após os bandidos mandarem mensagens para família informando a localização do cadáver.

De acordo com a polícia, a irmã de César recebeu uma mensagem que dava a localização exata do corpo. Na mensagem, o denunciante dizia que o rapaz havia sido morto e enterrado. A família pediu ajuda do CipCães, e após alguns minutos de busca a cadela Fiona encontrou o cadáver.

Conforme a Delegacia Especializada em Ordem Política e Social (Deops), César estava desaparecido há 13 dias. A mãe do desaparecido, Antônia Silva, 36, informou que o jovem foi visto pela última vez quando estava na residência dele, na comunidade Nova Vitória, bairro Gilberto Mestrinho, zona leste de Manaus.

ÚLTIMAS DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O COVID-19 NO AMAZONAS HOJE

Receba a seleção das melhores notícias