Covid-19: Amazonas não registrou casos em escolas particulares

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Covid-19 | No próximo dia seis de agosto, o estado do Amazonas completa um mês que retornou, de forma gradual, as aulas presenciais na rede particular de ensino, sem ocorrência de casos de Covid-19. Esse cenário vem sendo acompanhado de importantes medidas e ações de prevenção nas estruturas das escolas, conforme protocolo da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM).

Publicidade

Amazonas não registra casos de Covid-19 em escolas particulares

covid-19

Nas escolas, as sinalizações de espaçamento social, lotação das salas limitada a 50% da capacidade, distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as carteiras ocupadas, avisos sobre uso de máscara, aferição de temperatura e instalações de estruturas de limpeza e higienização foram implementadas para garantir a segurança e a adoção de novos hábitos de higiene na vida dos alunos e dos trabalhadores da educação.

Essa intensificação das medidas de segurança será realizada nas faculdades particulares da capital, que retornam com as atividades presenciais, no mês de agosto, e na rede pública estadual de ensino, que volta com as aulas, a partir do dia 10 de agosto. O secretário de Estado de Educação e Desporto, Luís Fabian, destaca que esse resultado conquistado fortalece o trabalho do corpo docente que, tão logo, estará atuando também na rede pública estadual de ensino.

“Cerca de 23% dos professores da rede privada também são professores da rede pública. Lá, eles já iniciaram as atividades que estão ocorrendo de maneira absolutamente normal, sem ter uma notificação de Covid-19 no ambiente escolar. Estamos, portanto, prontos para iniciar as nossas atividades, garantindo a proteção dos nossos alunos com uma série de protocolos que precisam ser seguidos”.

CONFIRA A OFERTA IMEDIATA

De acordo com o Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Privado do Estado do Amazonas (Sinepe-AM), das 250 escolas, 75% já retornaram com as atividades. Até o próximo dia três de agosto, esse quantitativo deve chegar a 95%. A vice-presidente do Sinepe-AM, Laura Vital, destaca que as orientações e fiscalizações vão se estender também para as unidades de ensino superior da capital sobre a covid-19.  

“A gente continua colocando o protocolo de segurança e todas as medidas sanitárias vêm sendo praticadas diariamente. E isso é um grande recurso para estarmos transcorrendo em todas as nossas instituições. O sindicato já está preparando uma reunião com as faculdades para que possamos fazer esse acompanhamento e tenhamos o mesmo sucesso de retorno que as escolas tiveram”.

Estruturas adequadas – Conforme Luís Fabian, 85% das escolas da rede pública estadual estão com as estruturas de prevenção finalizadas. Até o início das aulas, 100% das escolas estarão com os espaços adequados, de acordo com os protocolos da FVS-AM contra a covid-19.

“Foram investidos mais de R$ 12 milhões em adequação de estruturas das escolas e em aquisição de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual). Realizamos uma licitação pública nacional para adquirir um milhão de máscaras, dispensers, luvas, álcool em gel e todos os itens necessários e a condição hidrossanitária das escolas para garantir o abastecimento de água de todas essas escolas, dos banheiros, promovemos instalações de pias extras nas portas das escolas e lavatórios”, enfatizou Luís Fabian.

Vigilância ativa – Além de todas as medidas de segurança estabelecidas, a FVS-AM implementou também um planejamento que envolve a participação de alunos, conforme explica a diretora-presidente da FVS-AM, Rosemary Costa Pinto.

“Montamos um planejamento de vigilância, que nós chamamos de vigilância ativa nas escolas, que é composto de alunos-sentinelas em cada escola. Nós teremos em cada escola uma pessoa que vai ser responsável por receber notificações de casos suspeitos de covid-19, bem como um aplicativo que nos permite saber em tempo real se existe alguém com a suspeita de Covid para que, imediatamente, sejam acionadas equipes da Secretaria Municipal de Saúde e da FVS, para identificar e testar esses casos e fazer todas as medidas preconizadas de isolamento social”, explicou.

SEJA UM MEMBRO APOIADOR DO IMEDIATO

Clique AQUI

LEIA MAIS

Últimas informações ao vivo:

Receba a seleção das melhores notícias

Outros assuntos interessantes: