Carga com grande quantidade de pescado e carne de caça ilegais é apreendida em Manaus

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Manaus – AM | Uma grande carga de carne de animais silvestres e de pescados protegidos pelo defeso, foi apreendida em uma embarcação que estava ancorada nas proximidades do Porto de Manaus, no Centro da capital, na madrugada desta quarta-feira (8/7). 

Publicidade

Carga

Durante fiscalização no navio-motor Irmãos Santos, os policiais encontraram 313 quilos de pirarucu escondidos sob 341 quilos de tambaqui, além de 15 quilos de carne de animais silvestres, como pacas, cutias e tatus, e também, acondicionados em um balde plástico, dois quilos de carne e banha de peixe-boi, conhecida entre a população como mexira. A embarcação veio do Município de Codajás (distante 239 km em linha reta de Manaus). 

Segundo o Tenente P. Henrique do Batalhão Ambiental, um homem acabou sendo detido e encaminhado juntamente com a mercadoria ao 1° Distrito Integrado de Polícia (DIP), no bairro Praça 14 de Janeiro, na zona Sul, onde foi apresentado.

Questionado sobre a origem da carga, o responsável pela mesma e pela embarcação não soube explicar nem apresentou qualquer documento de órgãos competentes para transportar ou comercializar os produtos. Dessa forma, ficou caracterizada a ilegalidade da carga. 

De acordo com polícia, todo o pescado foi destinado para a comunidade católica Despertai, localizada na rua Silva Ramos, no Centro da capital. 

Participaram da ação policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) e da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPcães), atuando em conjunto dentro da Operação Hórus. 

Veja também:

Bandidos explodem cofre em posto de combustíveis e levam todo o dinheiro guardado; veja o vídeo

AUXÍLIO EMERGENCIAL

Acompanhe a Covid-19 no Amazonas

Receba a seleção das melhores notícias

BABADO FORTE