Primeiro estudo do Brasil para testar eficácia da cloroquina contra a Covid-19 começa com dois pacientes, em Manaus


Manaus – AM | O primeiro estudo brasileiro do uso da cloroquina em pacientes com o novo coronavírus, com rigor do método científico, para verificar a eficácia do medicamento contra a doença, já começou em Manaus com os dois primeiros pacientes internados no Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz, que passou a atuar de forma exclusiva para o atendimento de pacientes graves suspeitos ou confirmados de Covid-19. 

Os dois pacientes começaram o tratamento ontem (23), na próxima segunda-feira (30), já com uma semana de tratamento serão colhidas amostras deles, e na terça-feira (31) devem sair os primeiros resultados, apontando a diminuição ou não da carga viral do novo coronavírus nos pacientes. 

Anúncios

“A medida em que nós tivermos outros casos internados no Delphina nos entraremos com o mesmo protocolo.”, explicou a diretora-presidente da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), Rosemary Pinto. 

O estudo foi autorizado pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep). O remédio usado para tratar a malária é esperança contra a Covid-19.

“Sem dúvidas esse protocolo vai dar muitas respostas importantes para o sistema de saúde e para a população. E a gente espera em muito breve ter bons resultados pra compartilhar com toda a comunidade científica. Agora é bastante trabalho e, por favor, mantenha a calma. A gente vai só tratar aquelas pessoas que estejam graves.”, disse em vídeo ao anunciar o início do experimento, o médico infectologista da Fundação de Medicina Tropical e pesquisador da Fiocruz no Amazonas, Marcus Lacerda, nessa segunda-feira.  

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Receba a seleção das melhores notícias

Você também pode gostar:

error: Este conteúdo é protegido!

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram